Parcelamento IRPF 2019

Parcelamento IRPF 2019 – Todo ano, os brasileiros precisam expor o seu rendimento à Receita Federal, que utiliza esse número para o cálculo do IRPF (Imposto de Renda sobre Pessoa Física), um tributo obrigatório a grande parcela dos cidadãos.

Como essa taxa costuma ter um valor elevado, o Governo permite, na maioria dos casos, o parcelamento da tarifa, algo bastante importante e sobre o qual iremos falar hoje!

Parcelamento IRPF 2019
Parcelamento IRPF 2019

Como Funciona o Parcelamento IRPF 2019?

Todo contribuinte do IRPF 2019 que tenha um tributo acima de R$ 100,00 possui o direito ao pagamento parcelado do imposto, o que pode se apresentar como uma excelente opção para quem está endividado.

Esse parcelamento recebe a aplicação de uma quota de 1% e da Selic (Taxa Básica de Juros da Economia). A principal característica desta última é o reajuste mensal pelo qual a mesma passa, o que faz com que as parcelas do tributo não tenham um preço fixo.

✅ Fique ligado: confira como emitir a DARF da Receita Federal.

Suponhamos, por exemplo, que o contribuinte queira dividir o seu tributo em oito vezes e que ele comece a pagar o mesmo em abril – o mês em que ocorrem os primeiros vencimentos da tarifa. Os juros incidentes sobre as prestações, nessa situação, serão:

1ª parcela (abril) Valor auferido
2ª parcela (maio) Valor auferido + 1%
3ª parcela (junho) Valor auferido + 1% + Selic de maio
4ª parcela (julho) Valor auferido + 1% + Selic de maio e junho
5ª parcela (agosto) Valor auferido + 1% + Selic de maio a julho
6ª parcela (setembro) Valor auferido + 1% + Selic de maio a agosto
7ª parcela (outubro) Valor auferido + 1% + Selic de maio a setembro
8ª parcela (novembro) Valor auferido + 1% + Selic de maio a outubro

 Posso Adiantar o Pagamento do IRPF Parcelado?

Algo que muitas pessoas não sabem é que Receita Federal admite adiantar, de modo parcial ou total, o pagamento das prestações restantes do IRPF. A vantagem disso é que, nesses casos, o individuo não tem de arcar com a Selic, apenas com a quota de 1% sobre cada parcela.

Adiantar o pagamento do Imposto de Renda 2019
Adiantar o pagamento do Imposto de Renda 2019

Leia mais: como emitir o extrato do INSS para imposto de renda 2019.


Diferenças entre o Pagamento À Vista e Parcelado

Como pôde ser visto anteriormente, o parcelamento do IRPF 2019 não é determinado de modo convencional. Portanto, antes de optar por essa alternativa, é importantíssimo que o contribuinte considere o que mais lhe convém.

Para facilitar essa análise, separamos as principais diferenças entre a quitação à vista e a parcelada do imposto de Renda 2019. Veja-as abaixo:

  • No pagamento em prestações há a incidência da Selic e da taxa de 1%, ao passo que isso não ocorre no pagamento à vista;
  • Ao pagar o tributo em somente uma parcela, o indivíduo não precisará mais se preocupar, ao decorrer do ano, com pagamentos referentes ao IRPF, enquanto no parcelado sim.
Pagamento Imposto de Renda 2019
Pagamento Imposto de Renda 2019

Como Pagar o IRPF Parcelado?

Caso queira saldar o IRPF de maneira parcelada, o contribuinte deve apontar isso ainda na declaração de renda.

Depois, para emitir o boleto das prestações, basta que a pessoa acesse o portal da Receita Federal e siga as etapas que serão recomendadas pela plataforma.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *